30 setembro 2009

PIAMENTE!

Piamente!

 

Não se trata de um piu na mente, não não, nada disso. (piada fraaaca)

Você já deve ter usado esta expressão: Acredito piamente!

É quando você tem certeza mesmo, tipo, coloco a mão no fogo.

 

EU CREIO!

 

Essa confiança indubitável, intitubiável, indelével, inquebrantável (carmaba, quanta palavra difícil né).

Esse acreditar piamente é quando não há dúvida, de modo pio, devoto, absolutamente, plenamente.

 

No rol de palavras difíceis podemos acrescentar ainda: peremptório!

Esse palavrão conota: Decisivo, terminante.

 

Já aconteceu com você alguma situação em que você diz: “acredito” e em sua cabeça vem um: “mas…”.

 

Exemplo: “Filha, pode sair com o carro sim, vai pra sua festa, aproveite bastante, esteja em casa às 22hs.”

“Valeu Pai, pode confiar em mim, eu sou responsável, não vou te decepcionar, vai dar tudo certo.”

 

Me diz aí, se fosse a primeira vez que sua filha sai à noite, de carro, você dormiria tranqüilo?

 

Você educou-a corretamente, ela tem se mostrado correta até então, ela completou seus 18 anos, atingiu a maioridade, participou do curso do DETRAN, foi aprovada graças as aulas que fez ao volante, tudo certinho, chegou a carteira, já tem dirigido durante o dia, mas chegou a hora de sair à noite.

 

Tá vendo, você confia, MAS… não custa fazer orações, ligar no celular e ficar acordado em vigília, não é?

 

Assim sou eu e você, assim somos nós com relação a Deus, a gente até diz que Ele existe, fala que confia, que crê, defendemos se preciso for, MAS… na hora em que a coisa aperta sempre ficamos com a fé meio abalada, parece que já não acredita taaaanto assim. Por que hein?

 

Tem uma musiquinha que diz:

 

“Cada vez que a minha fé é provada

Tu me das a chance de crescer um pouco mais

As montanhas e vales, desertos e mares

que atravesso me levam pra perto de Ti”

 

Força!

Só nos resta rogar ao Deus que cremos, mas duvidamos, para que nos dê fé! Mais, pelo menos.

 

Marcos 9.24

“Eu creio! Ajuda-me na minha falta de fé!”

 

 

Pela Cruz,

Carlos Henrique

 

Ps.: Olé!

Um comentário:

  1. Vida,
    Conversamos sobre isso ontem!
    Te amo.
    Sua metadinha.

    ResponderExcluir

OBRIGADO pelo seu comentário!!!