24 novembro 2010

CORDA!

Corda!

 

Ouvi essa história e me senti obrigado a te contar...

 

Você já ouviu falar das cataratas do Niágara? São quedas d´água fortíssimas parecidas com nossas cataratas do Iguaçu, lembra? Imagine que estamos navegando ainda na parte que antecede, na parte superior destas cataratas, eu e você num barquinho remando e remando.

 

De repente o barco vira! Eu e você agora à deriva, levados pela correnteza, sem esperança, sem segurança.

 

Eis que tudo muda, uma esperança surgiu! Algumas pessoas que estão na margem do rio nos viram, pegaram uma corda e jogaram pra gente, vupt! Rapidamente agarramos a corda em meio a correnteza e muita água. Agarrado firmemente a corda o pessoal me puxa, e enfim consigo, em segurança, alcançar a margem, ufa!

 

Mas e VOCÊ?

 

Em meio a isso tudo você enxergou um grande e robusto tronco flutuando no rio quando imprudentemente você largou a corda e se agarrou ao pedaço de madeira. A você, entre as opções, o tronco se mostrou maior e aparentemente melhor para se agarrar. Que grande tolice! Você e o tronco foram diretamente para aquele vasto abismo conforme sua imaginação agora mesmo pode ilustrar.

 

Não havia nenhuma união entre o tronco e a praia, NENHUMA!

 

Perceba que a salvação foi proposta a ambos, a corda seria capaz e forte o suficiente para salvar ambos, entretanto você se agarrou ao tronco e este te levou a morte. A corda que parecia frágil na verdade era o único meio de nos levar a praia são e salvos, percebe?

 

Quero te perguntar algo, se fosse possível passar por esta mesma situação novamente você se agarraria com todas as forças a “frágil” corda que nos foi lançada ou novamente ao robusto tronco flutuante?

 

O rio é o mundo em que vivemos, as cataratas a morte, a corda Jesus, a praia é a salvação!

E o tronco? O trono são todas as outras coisas que tentam nos arrancar de Jesus, nosso único meio de salvação.

 

I Timóteo 2.5 “Há um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem”.

 

 

Pela Cruz,

Carlos Henrique

 

Ps.: Acorda!

2 comentários:

  1. Lauro Macêdo (laurohms@ig.com.br)24 de novembro de 2010 12:03

    "ACORDA ó tu que dormes, levanta-te de entre os mortos, e Cristo te iluminará". Ef 5:14

    Grande abraço Carlos!

    ResponderExcluir
  2. Me amarro em jogos de palavras.
    "Acorda"
    Ótima sacada.
    Sabe, leio sempre os seus textos aguardando o PS.

    ResponderExcluir

OBRIGADO pelo seu comentário!!!