02 dezembro 2010

DIREITO ou AMOR!

Direito ou Amor!

 

Quem é casado levanta a mão?

E quem tem filho levanta a mão?

E se seu filho é adolescente levanta as duas mãos?

 

Ok pode baixar!

 

Cena clássica:

 

- Mãe, posso viajar com a galera pra Buenos Aires?

- Não!

- A naummmm (ombro caído, braços moles pra baixo balançando e pernas meio que dançando e sapateando no mesmo lugar, igual criança, lembra?).

- Mas POR QUÊ, Mãeiiiii?

- Porque NÃO, minha filha, uma  m e n i n a! Não tem lógica você sair daqui, entrar num avião, você e um bando de moleques, quer dizer, adolescentes e ir despencar lá em outro país, A R G E N T I N A, minha filha, SEM CHANCE, ramás! (a pronúncia em espanhol para jamais, nunca, de jeito nenhum!).

 

- A não, mãe, olha a senhora, tá vendo! Isso é um absurdo, eu NUNCA reprovei, SEMPRE tirei TODAS as notas acima de nove, só UMA vez eu tirei oito, e em artes, mãe, ARTES! SEMPRE te obedeci, nunca te faltei com respeito, mãe. Sabe, acho isso um saco, mãe, só comecei a namorar com o Evaristo quando a senhora e o papai deixaram, só chego na hora que a senhora combina, VIVO pra te obedecer, nem papel de bala eu jogo no chão, mãe!

 

- Minha filha...

 

- Não mãe, eu tenho DIREITO, mãe, olha tudo o que eu faço, olha mãe, lembra de tudo que eu sou, olha minhas amigas, mãe, DUVIDO que elas sejam boas filhas como sou pra senhora, a Patrícia esculhamba com os pais dela, a não, mãe, eu queria tanto ir nessa viagem, é uma oportunidade única! Se eu ainda fosse desobediente, gostasse de sair, beber, chegasse tarde ou te envergonhasse, mas não, eu sou uma filha exemplar, e agora me vem a senhora com NÃO??? Ah não digo eu, mãe! ah não, viu!

 

Você conhece uma história assim?

 

Ou será que no seu caso, não seja uma viagem a Buenos Aires, mas seja algo que você sempre achou que merece e que suas obras, seu feitos “admiráveis” te dão DIREITO de pedir e ganhar o que deseja?

 

Olha o que diz esse texto...

 

Bíblia Sagrada, Daniel 9.18: “ó Deus meu...não lançamos nossas súplicas perante a tua face fiados em nossas justiças, mas em tuas muitas misericórdias”.

 

 

Pela Cruz,

Carlos Henrique

 

Ps.: Filha, a mamãe deixa você ir ou não porque te ama independente do que você faça!

Um comentário:

  1. Conheço muuito esse tipo de história!
    hahaha.

    Bjs
    Lucianna

    ResponderExcluir

OBRIGADO pelo seu comentário!!!